Política de Privacidade

1 . Privacidade e Segurança

A DOClinic, no âmbito da sua atividade, têm como base garantir a privacidade e a proteção dos dados pessoais dos utilizadores das plataformas e serviços.

Consciente da crescente relevância da privacidade e confidencialidade, a DOClinic adotou as medidas técnicas e organizativas adequadas a garantir a sua segurança, incluindo a proteção contra o seu tratamento não autorizado ou ilícito e contra a sua perda, destruição ou danificação acidental.

A DOClinic elaborou a presente Política de Privacidade com o objetivo de demonstrar o seu respeito para com a legislação em matéria de proteção de dados pessoais e o respeito pelos direitos dos Utilizadores.

2.  Quem é o Responsável pelo Tratamento?

A entidade que determina as finalidades e os meios de tratamento dos seus dados pessoais («responsável pelo tratamento») é a DOClinic, com sede em Ponte Mártir-In-Colo, Lote 3, Loja A – 6200-381 Covilhã.

Na qualidade de responsável pelo tratamento, a DOClinic aplicou as seguintes medidas técnicas e organizativas adequadas a assegurar os seus dados.

Sendo:

– São objeto de um tratamento lícito, leal e transparente em relação aos Utilizadores.

– Recolhidos para finalidades determinadas, explícitas e legítimas e não utilizados de forma incompatível com essas finalidades.

– Adequados, pertinentes e limitados ao mínimo necessário para a prossecução das finalidades para as quais são tratados.

– Conservados apenas durante o período necessário à prossecução das finalidades para que são tratados.

– Tratados de forma a garantir a sua integridade e confidencialidade.

A DOClinic pode ser contactada pelos seguintes meios:

– Morada: Ponte Mártir-In-Colo, Lote 3, Loja A – 6200-381 Covilhã

– Correio eletrónico: info@doclinic.pt

3.  Responsável pela Proteção de Dados

Com vista a garantir a permanente conformidade das práticas internas em matéria de proteção de dados pessoais e a assegurar, com eficiência, os direitos dos Utilizadores, a DOClinic designou um Responsável pela Proteção de Dados a quem cabe:

– Informar, sensibilizar e aconselhar a DOClinic e os seus trabalhadores sobre as suas obrigações legais;

– Cooperar com a Comissão Nacional de Proteção de Dados e outras autoridades de controlo.

O Responsável pela Proteção de Dados pode ser contactado pelos seguintes meios:

– Morada: Ponte Mártir-In-Colo, Lote 3, Loja A – 6200-381 Covilhã

– Correio eletrónico: info@doclinic.pt

4.  Quais são as Finalidades e o Fundamento do Tratamento?

As finalidades do tratamento dos dados pessoais dos Utilizadores são, única e exclusivamente, aquelas para as quais a DOClinic pediu consentimento livre, integral e sem reservas e/ou aquelas indispensáveis à execução de um contrato celebrado entre a DOClinic e os Utilizadores.

5.  Qual o prazo pelo qual a DOClinic reserva os Dados Pessoais?

Os dados pessoais serão conservados pelo prazo estritamente necessário e adequado à prossecução das finalidades do tratamento.

No caso em que os Utilizadores estejam registados em plataformas digitais, a DOClinic irá conservar os seus dados pessoais no prazo de 5 anos, após o último login.

Nas situações em que os Utilizadores não se encontrem registados nas plataformas digitais, a DOClinic apenas procederá ao tratamento dos seus dados pessoais durante o prazo de 10 anos a contar da data do último consentimento prestado aa DOClinic.

Alguns dados pessoais poderão ser conservados por tempo superior se forem necessários ao cumprimento de obrigações, se for exigido por lei, decisão judicial ou decisão de uma Autoridade de Controlo.

6.  Os seus Direitos

A DOClinic garante, em conformidade com a Legislação Nacional e Comunitária, um conjunto de direitos que podem ser exercidos através de qualquer uma das vias indicadas no Ponto 2 da presente Política de Privacidade, sendo:

– Direito de retirar o Consentimento – não podendo a DOClinic continuar o tratamento de tais dados a partir desse momento, exceto se a isso estiver legal ou contratualmente obrigado.

– Direito ao Acesso – em qualquer altura os Utilizadores podem contactar a DOClinic e requerer a confirmação de que dados pessoais de que são titulares são objeto de tratamento.

– Direito a Retificação – sempre que se verifique que os dados pessoais objeto de tratamento estão desatualizados, incompletos ou incorretos, os Utilizadores poderão solicitar à DOClinic a sua retificação.

– Direito ao Apagamento – é garantido o direito de requerer o apagamento dos seus dados pessoais, aquando do exercício do Direito de Retirar o Consentimento ou em momento posterior.

– Direito à Limitação – na eventualidade dos Utilizadores não solicitarem à DOClinic o apagamento dos dados pessoais de que são titulares, mas se tiverem interesse em que o tratamento desses dados a partir de tal momento, à exceção da conservação, dependa de novo consentimento, poderão solicitá-lo a todo o tempo.

– Direito de Oposição – o Utilizador tem o direito de se opor a qualquer momento, por motivos relacionados com a sua situação particular, ao tratamento dos dados pessoais que lhe digam respeito.

– Direito de Portabilidade – os Utilizadores têm o direito de:

  •  receber da DOClinic os dados pessoais que lhe digam respeito, num formato de uso corrente e leitura automática.
  •  transmitir esses dados a terceiros alheios aa DOClinic, sob sua exclusiva responsabilidade e/ou de solicitar aa DOClinic que transmita aqueles dados, no formato indicado, aos referidos terceiros.

– Direito de Reclamação – se os Utilizadores tiverem alguma queixa relativa à utilização dos seus dados por parte da DOClinic poderão fazê-lo diretamente junto da autoridade de supervisão portuguesa, no caso a Comissão Nacional de Proteção de Dados – http://www.cnpd.pt.

7.  Restrições Legais ao Exercício dos Direitos

Sem prejuízo dos direitos acima mencionados, a DOClinic apenas poderá não respeitar o exercício desses direitos, total ou parcialmente, nos casos expressamente previstos na lei, designadamente:

– Se os dados pessoais forem necessários para o cumprimento de um contrato no qual o Utilizador seja parte e esse contrato permaneça em vigor.

– Nas situações em que o tratamento dos dados se revele necessário ao cumprimento de obrigações legais ou para efeitos de declaração, exercícios ou defesa de um direito num processo judicial.

– Na sequência de um pedido de portabilidade de dados, diretamente da DOClinic para uma entidade terceira, se essa portabilidade for tecnicamente impossível de operar.

– No caso do exercício do Direito ao Apagamento ou do Direito de Oposição, nos casos em que a lei não obrigue a DOClinic ao apagamento dos seus dados pessoais ou à cessação do seu tratamento.

8.  Definição de Perfis

A definição de perfis dos Utilizadores será sempre efetuada com base no seu consentimento esclarecido, expresso e inequívoco e terá como finalidade a garantia de qualidade do serviço que a DOClinic lhe presta, designadamente através da personalização das funcionalidades das plataformas oferecidas e da disponibilização de conteúdos, produtos e serviços adequados aos interesses concretos.

9.  Utilização de Cookies

A DOClinic poderá recolher informação utilizando cookies.

O que são cookies?

Os cookies são pequenos ficheiros de texto que um site, ao ser visitado pelo utilizador, coloca no seu computador ou no seu dispositivo móvel através de browser. A colocação de cookies ajudará o site a reconhecer o seu dispositivo na próxima vez que o utilizador o visita. Usamos o termo cookies nesta política para referir todos os ficheiros que recolhem informações desta forma.

Os cookies utilizados no site da DOClinic não recolhem informação que identifique o Utilizador.

A qualquer momento o Utilizador pode, através do seu browser decidir ser notificado sobre a receção de cookies, bem como bloquear a respetiva entrada no seu sistema.

A recusa de uso de cookies no site, pode resultar na impossibilidade de ter acesso a algumas das suas áreas ou de receber informação personalizada.

Os cookies auxiliam a gestão e a atualização de conteúdos dos websites, ajudando a compreender o modo como são utilizados, facilitando a navegação, guardando as suas preferências e melhorando continuamente a experiência de utilização.

Diferentes tipos de cookies

Existem diversas categorias de cookies com diferentes funções e finalidades. Os cookies utilizados, podem ser:

– Cookies essenciais – alguns cookies são essenciais para aceder a áreas específicas dos sites. Permitem a navegação no site e a utilização das suas aplicações, tal como o acesso a áreas seguras do site através de login. Sem estes cookies, os serviços que o exijam não podem ser prestados.

– Cookies de performance – visam recolher informação sobre a utilização global dos websites, tal como as páginas mais visitadas, não recolhendo informação sobre os Utilizadores e apenas visando otimizar a navegação.

 Cookies de funcionalidade – permitem lembrar as preferências do Utilizador relativamente à navegação no site. Assim, não necessita de o reconfigurar e personalizar cada vez que o visita.

– Cookies analíticos – permitem analisar a forma como os Utilizadores usam o site permitindo destacar artigos ou serviços que podem ser do interesse dos Utilizadores, e monitorizar o desempenho do site, conhecendo as páginas mais populares, qual o método de ligação entre as páginas que é mais eficaz ou para determinar a razão de algumas páginas estarem a receber mensagens de erro. Estes cookies são utilizados apenas para efeitos de criação e análise estatística, sem nunca recolher informação de carácter pessoal.

Data de Validade

Os cookies utilizados podem ser:

Cookies permanentes – ficam armazenados nos seus dispositivos de acesso (computador, telemóvel, smartphone ou tablet), ao nível do browser, e são usados sempre que o utilizador visita novamente o site. Em geral, são usados para direcionar a navegação de acordo com os interesses do Utilizador, permitindo um serviço mais personalizado.

Cookies de sessão – são temporários. Os cookies são gerados e estão disponíveis até encerrar a sessão. A informação obtida permite gerir as sessões, identificar problemas e fornecer uma melhor experiência de navegação.

O uso dos cookies pode ser bloqueado.

Os cookies ajudam-no a tirar o máximo proveito do nosso site.

O Utilizador pode sempre desativar parte ou a totalidade dos nossos cookies.

10.  Restrições Legais ao Exercício dos Direitos

A DOClinic poderá alterar ou atualizar a presente Política de Privacidade em função de novas exigências legais ou regulamentares, bem como na sequência de melhorias da qualidade dos seus serviços e desenvolvimento do seu compromisso em matéria de proteção de dados pessoais.